SOBRE O TRADUÇÕES FEMININJAS

Espaço dedicado à tradução de textos sobre feminismo, política, economia e temas afins, escritos em língua estrangeira.

!!! O fato de um texto estar traduzido aqui não significa que a posição do blog seja o que está escrito nele. Temos como objetivo aumentar as possibilidades de que outras pessoas tenham acesso a esses textos, independente de concordarmos com tudo o que dizem. !!!

Os posts estão abertos pra comentários, para possíveis sugestões e correções. 🙂

2015:

2016:

      •  31.01: “8 de 10 prostitutas estão sendo exploradas”, de Michaël Torfs

      •  29/07: “O mito da ‘Maria Purpurina’ e os segredos sujos da subcultura gay masculina”, de Rohln Guha

      • 02/08: “O problema bilionário do Brasil: para entender a desigualdade mundial, você precisa entender a desigualdade no Brasil”, de Patrick Iber

      • 31/10: “Revelando a hipocrisia da ‘esquerda pro-prostituição'”, de Rae Story

 

2017:

      • 26/01: “Classe é mais interseccional que a interseccionalidade”, do blog Imperium ad Infinitum

      • 02/09: “Por que a China é um país Socialista – a teoria chinesa é alinhada a Marx (mas não a Stalin)”, de John Ross. 

Anúncios

Um comentário sobre “SOBRE O TRADUÇÕES FEMININJAS

  1. Bah, que foda isso que vocês estão fazendo, gurias! Acho super importante que a gente possa democratizar a informação e fazer circular a palavra. Se vocês estiverem precisando, posso contribuir de alguma forma, na tradução de textos em inglês. Valeu aí!

    Curtido por 1 pessoa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s